27 de fevereiro de 2019

HOMEM QUE PASSOU 40 ANOS PRESO POR ERRO GANHA R$ 78 MILHÕES DE INDENIZAÇÃO

Craig Coley havia sido condenado pelo assassinato de sua ex-namorada e do filho dela.
Um homem que passou 40 anos preso por assassinato e depois foi perdoado conseguiu um acordo de US$ 21 milhões (cerca de R$ 78 milhões) com a cidade de Simi Valley, na Califórnia, segundo autoridades locais.
Em 1980, um júri considerou Craig Coley culpado pelo assassinato de sua ex-namorada, Rhonda Wicht, 24, e de seu filho de 4 anos, Donald, crime que ele afirmou não ter cometido.