30 de março de 2019

Papa recusa beija-mão por questão de higiene, diz Vaticano

                             Reprodução/Youtube


O papa Francisco causou polêmica nesta segunda-feira, 25, em Loreto, cidade próxima a Roma, onde esteve para uma celebração. 

Um vídeo que circula na internet mostra o exato momento em que fiéis vão até o papa para cumprimentá-lo e o mesmo recusa beijos no anel em sua mão. Nas imagens, dá para notar que o argentino fica visivelmente incomodado com a situação, que se repete por diversas vezes. 

Contudo, Francisco, desde sua eleição há seis anos, vem ressaltando a necessidade de uma mudança de imagem, por parte da Igreja Católica. O papa, ao recusar receber beijos, está tentando se aproximar dos fiéis e por fim às reverências exageradas. 

De acordo com o jornal The Guardian, um site católico conservador, o LifeSiteNews, que costuma criticar o argentino, chamou o episódio de "perturbador" na manchete de um artigo. 

Já no Twitter, as pessoas se dividiram entre opiniões a favor e contra a decisão de Francisco.“Beijar a mão e o anel era um ato para com a monarquia, ele em sua simplicidade jamais aceitaria!”, elogiou um internauta. “O Papa Francisco está errado (...). É exatamente isso, ele constrangeu as pessoas ao retirar a mão, ele sabe que isso é uma tradição e se ele se incomoda tanto com isso, ele deveria pedir para os fiéis não fazerem e não tirarem a mão”, criticou outra. 

Alguns nem entenderam o que de fato aconteceu. “Sim, eu vi o vídeo do Papa Francisco não deixando que beijassem sua mão e seu anel. Sinceramente, eu não sei – e creio que a maioria não sabe – o que se passa na mente do Santo Padre”, comentou um internauta.