2 de abril de 2019

Feira de segurança no Rio tem 'caixa-preta' para ações policiais e dispositivo não letal que lança 15 bombas de gás ao mesmo tempo

Dispositivo grava ações policiais quando arma é retirada de coldre — Foto: Divulgação
A 12ª edição da feira internacional de segurança LAAD Defence & Security – que começa nesta terça-feira (2), no Rio – traz, entre as novidades, um dispositivo multibomba, uma câmera ativada pelo coldre e um sistema antidrones.
O evento deste ano traz ao Rio representantes de mais de 450 empresas. Pela manhã, o presidente da República em exercício, Hamilton Mourão, deve participar da abertura do evento e, mais tarde, às 13h, está prevista uma palestra do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.
Equipamento para ser acoplado em veículos dispara até 15 bombas de uma vez — Foto: Divulgação
Uma das novidades é uma câmera desenvolvida pela Motorola que promete funcionar como uma "caixa-preta" de ações policiais. Sensores no coldre – estojo afixado à roupa do agente onde se coloca a arma – ativam a gravação quando o policial saca a pistola.
De acordo com o fabricante, uma das funcionalidades permite que, ao retornar à base, todo o conteúdo em vídeo seja diretamente enviado para a "nuvem".
A empresa brasileira Condor Tecnologias não letais também levará à exposição algumas inovações no segmento de armas projetadas para não matar. Entre elas, um robô capaz de desarmar bombas e uma estrutura para ser acoplada em veículos que permite lançar até 15 bombas de gás lacrimogêneo ao mesmo tempo.

A fabricante brasileira de helicópteros Helibras leva à feira a aeronave H225M em versão de combate naval, desenvolvida e fabricada para atender a missões da Marinha do Brasil. O helicóptero é a versão mais complexa já produzida do H225 e estará equipado com míssil antinavio.

Outra empresa brasileira, a IACIT, apresentará o DRONEBlocker, um equipamento que funciona como um bloqueador de drones. O dispositivo permite proteger grandes áreas contra ameaças. O bloqueador pode ser usado, por exemplo, para resguardar o espaço aéreo de aeroportos.

A mostra, que ocorre no Riocentro, na Zona Oeste, vai desta terça até sexta-feira (5). Organizadores estimam que mais de 38 mil profissionais da área irão ao evento durante os quatro dias.

Está prevista, ainda, a visita de 195 delegações oficiais de 80 países. Entre elas, ministros de Defesa e autoridades das Forças Armadas da América Latina, que participam de reuniões com as empresas expositoras e também de encontros bilaterais com autoridades brasileiras.

Serviço
LAAD Defence & Security 2019 - Feira Internacional de Defesa e Segurança

Data: 2 a 5 de abril
Local: Riocentro - Av. Salvador Allende, 6.555 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - RJ
Horário: De terça-feira (2) a quinta-feira (4), das 10h às 18h. Sexta-feira (5), das 10h às 17h.