11 de abril de 2019

Mais de 100 larvas encontradas em ferida na cabeça de criança

Larvas retiradas de ferimento na cabeça da criança. Foto: WhatsApp/Cortesia
Do Portal OP9 - Uma grave denúncia de maus-tratos e negligência foi encaminhada ao Conselho Tutelar após uma menina de um ano e dez meses dar entrada no Hospital Infantil Maria Lucinda, na Zona Norte do Recife, com fortes dores de cabeça. Durante os exames, os médicos encontraram um ferimento na nuca da garota com mais de 100 larvas de mosca, conhecidas popularmente como tapurus.
Ela chegou à unidade de saúde no último dia 3 após ter sido levada para um posto de saúde e uma UPA. Os especialistas constataram o quadro de infecção e encontraram as larvas. Com a carteira de vacinação desatualizada, ela desenvolveu uma encefalite, inflamação no cérebro que pode comprometer o seu desenvolvimento.

A garota vive com a família no bairro da Macaxeira. Na mesma casa, vivem pai, mãe e outras seis crianças entre dois e 15 anos. De acordo com o Conselho Tutelar, há negligência em relação aos sete filhos. Depois de visitar a casa, os conselheiros disseram que quatro estavam com o cartão de vacinação desatualizado e um dos meninos, de 11 anos, está há dois meses sem frequentar a escola.

Devido ao histórico, o caso foi levado para a Delegacia de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), para a Vara da Infância e Juventude e ao Ministério Público.

Por enquanto, a menina está internada sob a responsabilidade dos avós maternos até que os procedimentos médicos terminem e a Justiça decida o futuro da família.