3 de fevereiro de 2021

Flordelis é apontada como nova titular da Secretaria da Mulher na Câmara.

                                   Imagem: Clever Felix/LDG News/Estadão Conteúdo


 Colaboração para o UOL 03/02/2021 10h16 

De acordo com o site da Câmara dos Deputados, a deputada Flordelis (PSD) foi nomeada como titular da Secretaria da Mulher. Recentemente ela virou ré por suspeita de participar da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo, assassinado em junho de 2019. Flordelis corre risco de perder o mandato de deputada porque está sendo investigada também pela Mesa Diretora da Câmara. Isso pode acontecer quando for encaminhado um relatório ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar. 

A Procuradoria de Justiça já deu parecer favorável para afastar Flordelis enquanto durar o processo criminal sobre a morte de Anderson. A decisão final será dos desembargadores da 2ª Câmara Criminal. Nesta semana, de acordo com a revista Veja, o governo dedicou aproximadamente R$ 10,1 milhões em emendas para Flordelis. A reportagem também mostrou que outros R$ 2,8 milhões, de emendas em 2020, estavam empenhados, mas não chegaram a ser pagos. Flordelis fará aniversário em 5 de fevereiro e anunciou no Facebook que haverá, em 7 de fevereiro, "um culto de gratidão a Deus" pela vida dela. "Confesso que não tenho motivos para fazer uma festa, mas tenho muitos motivos para prestar um  culto ao Senhor. Até aqui Ele tem me sustentando. E quero contar com sua presença", convidou Flordelis.