30 de abril de 2019

Baleia beluga encontrada na Noruega com 'coleira' pode ter ligação com marinha russa

Beluga, ou baleia-branca, é vista nadando com um aparato preso ao corpo, perto de um barco de pescadores na costa norte da Noruega — Foto: Joergen Ree Wiig/Norwegian Direcorate of Fisheries Sea Surveillance Unit via AP
Com informações do G1 Globo / Reprodução: Sarandi em Dia
Uma baleia beluga foi encontrada na Noruega usando uma espécie de "coleira" de identificação russa, na sexta-feira (26). Segundo a agência de notícia Associated Press (AP), os biólogos acreditam que o animal tenha escapado de uma unidade militar da Rússia.
Ainda de acordo com a AP, a "coleira" dizia "Equipamento de São Petersburgo" e tinha espaço para um câmera esportiva ser acoplada. Pescadores que avistaram a baleira conseguiram retirar a "coleira" do animal.
Os biólogos acreditam que ela tenha se aproximado dos barcos de pesca para pedir comida, já que no cativeiro é acostumada a ser alimentada.
Em entrevista à AP, o biólogo Audun Rikardsen, da Universidade da Noruega, disse que não existem estudos com belugas sendo realizados em universidades russas ou norueguesas. Ele acredita que a marinha russa tenha algum envolvimento com o animal.

Em entrevista à rede americana "CNN", o biólogo marinho Jorgen Ree Wiig disse acreditar que a baleia veio da região de Murmansk, na Rússia, e foi treinada pela marinha russa. Segundo ele, a marinha russa é conhecida por usar belugas em operações militares como guardar bases navais, ajudar mergulhadores e encontrar equipamentos perdidos. VEJA MAIS EM: https://g1.globo.com/natureza/noticia/2019/04/29/baleia-beluga-encontrada-na-noruega-com-coleira-pode-ter-ligacao-com-marinha-russa.ghtml