30 de abril de 2019

Brasileiro condenado por estupro em MG é preso após 11 anos vivendo nos EUA

Brasileiro vivia clandestinamente nos EUA há 11 anos — Foto: Reprodução Facebook
Com informações do G1 Globo / Reprodução: Sarandi em Dia
Um brasileiro de Poço Fundo (MG) foi preso nesta semana no estado de Massachusetts, nos Estados Unidos. Flávio Andrade Prado Júnior, de 40 anos, foi condenado por um estupro em 2004 e era considerado foragido da Justiça desde maio de 2008. Defesa nega o crime.
O crime aconteceu quando ele ainda morava em Poço Fundo, cidade do Sul de Minas com aproximadamente 16 mil habitantes. Na época, aos 25 anos, Flávio já tinha uma condenação por furto e recorria em liberdade.
De acordo com as investigações, na madrugada de 18 de dezembro de 2004, Flávio ofereceu carona para duas amigas que estavam em um bar na cidade. Após elas aceitarem, ele deixou uma delas em casa e seguiu com a outra até uma estrada de terra, onde parou.

Ainda conforme as investigações, a mulher, então com 21 anos, tentou abrir a porta do carro para ir embora à pé, mas Flávio não deixou. A vítima contou que ficou desesperada, mas ele prendeu os braços dela e a estuprou dentro do veículo.

O exame médico legal realizado logo depois constatou as lesões no corpo da moça, indicando a prática sexual. Mas, antes que fosse preso, Flávio fugiu.

“Nós tivemos conhecimento do paradeiro dele no estado de São Paulo. Realizamos diligência, o localizamos e prendemos o Flávio lá em São Paulo”, diz o delegado Flávio Destro. VEJA MAIS EM: https://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2019/04/28/brasileiro-condenado-por-estupro-em-mg-e-preso-apos-11-anos-vivendo-nos-eua.ghtml