25 de abril de 2019

Polícia encontra bitucas em andaimes onde começou incêndio de Notre-Dame

Trabalhadores no teto da catedral de Notre-Dame na terça (23) — Foto: Christophe Archambault / AFP
Com informações do G1 Globo / Reprodução - A polícia francesa encontrou sete bitucas de cigarro nos andaimes de restauração onde começou o incêndio que devastou parte da Catedral de Notre-Dame de Paris, revelou nesta quarta-feira (24) o jornal "Le Canard Enchaîné".
Alguns operários que trabalhavam na restauração do pináculo (uma espécie de torre) admitiram aos investigadores que, descumprindo as ordens de segurança, fumavam nos andaimes, acrescentou a publicação.
Apesar disso, os investigadores trabalham mais com a hipótese de que o incêndio começou devido a um curto-circuito, segundo o jornal.

Foram reveladas irregularidades nas instalações elétricas –especificamente no cabo para alimentar um jogo de sinos que estava no pináculo (uma espécie de torre, que foi destruída pelo fogo) e outro sob a mesma, e que percorria a viga de madeira da catedral.

Esse dispositivo foi autorizado, de forma provisória, em 2012, a pedido dos clérigos de Notre-Dame durante as obras de restauração dos campanários principais, para eletrificar esses sinos para que os originais pudessem ser substituídos.
VEJA MAIS EM: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/04/24/policia-encontra-bitucas-em-andaimes-onde-comecou-incendio-de-notre-dame.ghtml